Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Saengerhalle’

Em 25 de Julho de 1950, após quase dez anos de paralisação, os coralistas de São Bento do Sul reuniram-se para reabrir a sua sociedade e a rebatizaram como “Sociedade de Cantores 25 de Julho”, a popular “Sangerhalle”. A antiga “Liederkranz” havia paralisado suas atividades em 04.05.1941, durante a 2ª Guerra Mundial, quando teve de entregar a chave da sociedade para as autoridades competentes. Naquela época, os encontros estavam sendo feitos de forma sigilosa.

Nos últimos anos da década de 40, os coralistas já se reuniam em casas particulares, a título de culto, para ensaiar suas canções. Em meados de 1950, um grupo de colonos liderado por Adolf Schlagenhaufer tomou coragem de seguir até a Prefeitura para pedir a devolução da chave do seu salão, e assim retomar os seus encontros semanais. Também faziam parte do grupo Gustavo Sprotte, Wilhelm Ziemann e o Revdo. Pastor Adolfo Prinz.

A chave foi devolvida, e então iniciaram-se os preparativos para a abertura da sociedade. Depois de diversos debates, escolheram o dia 25 de Julho, data que lembra a primeira imigração alemã no Brasil, e que na região ainda hoje é lembrado como Dia do Colono. Desde então, a Sociedade foi conhecida com o nome atual.

Orientados pelas últimas atas da Liederkranz, e aconselhados pelo Pastor Prinz, que viria a se tornar o novo regente, os componentes se preocuparam em estudar o melhor modo de encaminhar o funcionamento da Sociedade a partir de então. Fizeram-se presentes na primeira assembléia depois da abertura da Sociedade: Adolfo Schlagenhaufer, August Becker, pastor Adolf Prinz, Alexandre Jung, Adelino Rudnick, Ervino Schwedler, Erhard Rudnick, Gustavo Sprotte, Gustavo Fr. Rudnick, Gustavo Heiden, Hermann Struck, Leonides Rudnick, Rudolf Panneitz e Walter Becker.

[As informações foram colhidas da obra “A Cultura na Sociedade de Cantores 25 de Julho”, do antigo regente Herbert Alfredo Fendrich, ainda inédita]

Read Full Post »